A nova processadora de celulose será construída pela Arauco em Inocência (Foto: Arauco/Reprodução)

A nova processadora de celulose será construída pela Arauco em Inocência (Foto: Arauco/Reprodução)

  • Da redação
  • 27/06/2022

Investimento de R$ 15 bilhões em fábrica no MS

A multinacional Arauco, com sede no Chile, mais nova planta processadora de celulose com sede em Mato Grosso do Sul.  As informações são do Correio do Estado.

Com investimentos orçados em R$ 15 bilhões (US$ 3 bilhões), a planta será instalada em Inocência  (MS). 

A fábrica terá capacidade de processamento de 2,55 milhões de toneladas por ano, se igualando a planta que é erguida em Ribas do Rio Pardo pela Suzano.

O Correio do Estado já havia adiantado o nome da empresa.

Conforme os dados preliminares, a construção começará em 2024 e a indústria deve entrar em operação em 2028.

Na segunda-feira (20), Azambuja deu a pista ao afirmar que anunciará nos próximos dias a construção no Estado de uma unidade processadora de celulose ainda maior do que a que está em construção pela Suzano em Ribas do Rio Pardo.  

Na ocasião, só não informou o nome da empresa, para não romper quebra de acordo de confidencialidade.  

Em agenda nesta tarde, o governador vai informar em evento a chegada da nova indústria.

Com isso, o Estado deve firmar-se como o maior produtor de celulose do Brasil e uma das maiores regiões produtoras deste tipo de fibra vegetal do mundo, com mais de 10 milhões de toneladas processadas por ano.  

 

CPFL Paulista inscrições do Programa de Estágio 2023>
Estágio na  Energisa em 2023 - Programa Trainee >
Vagas para aulas de ukulele e violão em Três Lagoas >
Brasileiros fazem bico para completar renda>
FGTS pode ser usado para quitar parcelas atrasadas>
Edição do Motoshow 2022>