Laticínio de 11 milhões vai entrar em operação em Andradina

Da redação com Assessoria de Imprensa, em15/06/2022
Foto: Prefeitura/Andradina

Foto: Prefeitura/Andradina

Um laticínio de investimento milionário está pronto para funcionar em Andradina. O prefeito de Andradina, Mário Celso Lopes recebeu a visita de representantes da COAPAR que anunciaram a inauguração da Agroindústria do Leite no próximo dia 24 de junho.

Segundo o representante da Coapar Lourival Plácito de Paula, o laticínio vai processar o leite produzido nas pequenas propriedades de Andradina, com a marca Melhor do Campo. O Secretário de Governo, Assuntos Parlamentares e Institucionais, Ernesto Júnior, também participou do encontro.

 O projeto elaborado pela Coapar( Cooperativa de Produção Agropecuária dos Assentados e Pequenos Produtores) em parceria com o Governo de Andradina para fortalecer a renda no campo entre as famílias da reforma agrária.

O empreendimento está sendo instalado vicinal Orlando Palhares que está prestes a ser asfaltada. A estrada foi contemplada com a liberação de R$ 14 milhões do governo do Estado de São Paulo para o asfaltamento das estradas vicinais Orlando Batista Palhares e Deusdethe Alexandre Salomão, popularmente conhecidas como estrada do “Jaó” ou do “Baby Beef”.

O projeto para a implantação deste laticínio em Andradina foi classificado como o melhor do Brasil no ano de início de sua construção pelo MDA (Ministério do Desenvolvimento Agrário). O investimento é de aproximadamente R$ 11,1 milhões que vai transformar a vida dos assentados e pequenos produtores de Andradina e região.

 Mário Celso comemorou a ativação do laticínio que vai fortalecer a renda no campo entre as famílias que se dedicam a pequena pecuária leiteira. “Os produtos sairão daqui para todo o país. Assim Andradina cresce e vamos em frente”, disse o prefeito Mário Celso Lopes.

O laticínio estará a aproximadamente 500 metros do encontro da rodovia Euclides de Oliveira Figueiredo (SP-563), com a rodovia Marechal Rondon (SP-300), um local considerado estratégico favorecendo o acesso e o escoamento da produção de leite pasteurizado e a produção de derivados como iogurte e queijos já em parceria com a Conab (Companhia Nacional de Abastecimento), que garante a compra da produção.

Compartilhar:
Facebook Tweet

Veja Mais