Ilha Solteira receberá usina de energia solar

Da redação, em27/04/2022
A EDP Renováveis é responsável por metade do projeto em Ilha Solteira (Divulgação/EDP Renováveis)

A EDP Renováveis é responsável por metade do projeto em Ilha Solteira (Divulgação/EDP Renováveis)

O município de Ilha Solteira receberá uma usina fotovoltaica para produção de energia solar com 254 Megawatts (MW) de capacidade instalada. O anúncio foi feito EDP Energias do Brasil em um comunicado direcionado aos acionistas da companhia e à Comissão de Mercado de Valores Mobiliários (CMVM). As informações são do Diário da Região de Rio preto.

O projeto, batizado de Novo Oriente Solar, é uma parceria da companhia com a subsidiária EDP Renováveis — responsável pelo complexo solar de Pereira Barreto, que iniciou a operação de funcionamento em outubro do ano passado.

Segundo a companhia, a construção a usina Novo Oriente já recebeu autorização e a previsão é de que ela entre em operação em 2024. Ainda segundo a companhia, a planta possui um contrato de venda de energia limpa produzida de 120 MW.

“Este investimento reforça a orientação estratégica da EDP Brasil, que foi apresentada ao mercado no Plano Estratégico 2021-2025, sendo o maior projeto de larga escala a fim de ampliar sua participação no segmento de geração solar”, informou Henrique Manuel Marques Faria Lima Freire, diretor e vice-presidente de Finanças e de Relações com investidores da companhia.

Compartilhar:
Facebook Tweet

Veja Mais