Três em cada quadro atendimentos da UPA poderiam ser feitos nos postos de saúde

Fonte: Da redação com assessoria de imprensa, em17/09/2018

Secretaria de Saúde alerta população que em muitos casos o atendimento pode ser feito em Unidades de Saúde nos bairros, sem filas e com agendamento. Foto: Secom/Andradina

LEITOR ANDRAVIRTUAL TEM DESCONTO ESPECIAL: Dica de leitura: SCRUM: A arte de fazer o dobro de trabalho na metade do tempo. Compre agora!

A Secretaria Municipal de Saúde do Governo de Andradina divulgou um balanço dos 10 primeiros dias de atendimento da UPA (Unidade de Pronto Atendimento) “João Miguel”.


Foram 2988 pessoas atendidas das 6h do dia 05 de setembro até as 14h do dia 14. Desse total de atendimento 32 casos foram considerados emergenciais graves, o que corresponde a um pouco mais de 1%. Foram ainda 163 casos muito urgentes, correspondente a 6% dos casos atendidos e 525 casos considerados urgentes, o que equivale a 18% do atendimento.


De todo atendimento realizado, 75% dos casos (2241) foram avaliados como não urgentes ou pouco urgentes, casos que poderiam ser atendidos nas Unidades Básicas de Saúde (UBS). De todos pacientes atendidos pela UPA, apenas 53, ou seja, menos de 2%, precisaram de transferência para Santa Casa de Andradina ou outros hospitais.


Segundo explica o secretário de Saúde, Marcelo Gimenez, as UBS dos bairros fazem parte do Programa Hora Certa e estão funcionando das 7h às 20h horas com atendimento agendado ou para o mesmo dia nos casos em que a enfermagem entender como necessário o auxílio imediato.


“O tratamento deve ocorrer na unidade básica. A UPA será para casos de emergências, ou fora do horário de atendimento das unidades”, ressalta Gimenez.


A Secretaria esclarece que a UPA é uma unidade de saúde para casos de atendimento de urgência e emergência.“Não é unidade de saúde para tratamentos contínuos. É uma unidade para estabilização de situações agudas de agravo às condições de saúde como vítimas de acidentes, de agressões, picadas de animais peçonhentos, infartos, Acidente Vascular Cerebral e outros mais”, explica o secretário.


Na dúvida o paciente deverá ser encaminhado para a unidade de saúde mais próxima. Aos finais de semana, feriados e nos dias úteis após as 20h ou antes da 7h, todos os casos deverão ser encaminhados a UPA, completa.

Compartilhar:

Veja Mais