Garoto de 13 anos faz descoberta arqueológica incrível

Fonte: Divulgação, em23/04/2018

LEITOR ANDRAVIRTUAL TEM DESCONTO ESPECIAL: Seleção de Livros com no mínimo 30% Off - Impacto Saraiva

Na Alemanha, um jovem de apenas 13 anos foi o autor de uma fantástica descoberta arqueológica: um tesouro da época viking. O caso aconteceu em uma ilha do mar Báltico, no norte do país, zona navegada e habitada pelos famosos “povos do norte” que aterrorizaram toda a Europa com seus ataques rápidos nas costas e nos portos dos maiores rios. Luca Malaschnichenko, estava acompanhado por um voluntário de um programa de arqueologia, ambos seguindo com um detetor de metais, quando esse aparelho começou dando sinal. Em pouco tempo conseguiram tirar da terra pequenos pedaços de moedas antigas.

Informaram as autoridades locais, que após alguns dias completaram as escavações de um conjunto viking do tempo do rei Haroldo 1º da Dinamarca, no século X. Colares, moedas, pérolas e até um martelo de Thor faziam parte do conjunto.

Sorte incrível

Podemos considerar que ele teve a mesma sorte dos ganhadores da Mega Sena. Os arqueólogos profissionais não trabalham dessa maneira, pois sabem que sair por aí procurando tesouros sem pistas sólidas e consistentes de que terá algo ali é mais difícil que ganhar na loteria. Por isso, eles selecionam os locais e organizam tarefas de escavação que duram anos. Depois de muita persistência, e se os dados iniciais estiverem certos, eles poderão encontrar boas evidências do passado; mesmo assim, o mais provável é encontrarem um montão de pequenos objetos ao longo de muito anos, e não um tesouro valioso em uma única tarde.

Sem dúvida será algo que o jovem Luca irá lembrar por toda a vida, esperamos que alguém fale para ele que ter essa sorte toda é super raro.

O caso histórico

Os historiadores e arqueólogos alemães calcularam que as peças terião sido enterradas entre os anos 980 e 990, sendo que o famoso rei Haroldo faleceu em 986. O arqueólogo Detlef Jantzen, com o cargo de chefe do Escritório Regional de Arqueologia e Conservação de Monumentos do estado de Mecklemburgo-Pomerânia Ocidental, falou à imprensa internacional que foi a primeira vez que um tesouro dessa importância é encontrado na região sul do Báltico.

O rei Haroldo é recordado em nossos tempos de uma forma especial. Ele ficou conhecido por ter unificado as várias tribos da Dinamarca em um único reino, sob influência e referência da religião cristã. Seu apelido era “Blaatand”, ou “dente azul”, e esta é a origem do nome da tecnologia “Bluetooth” (dente azul, em inglês). Seus criadores entendiam que a grande vantagem desta nova tecnologia era unir vários protocolos de comunicações diferentes.

Compartilhar:

Veja Mais