Estudante é detido após explodir bomba em escola e ameaçar diretora em Pereira Barreto

Fonte: Da redação, em27/08/2015

Bomba danificou um vaso sanitário e a descarga; aluno havia acabado de voltar de suspensão. Foto: Divulgação

Um adolescente de 16 anos teve a apreensão determinada pela Polícia Civil de Pereira Barreto após ameaçar a diretora da escola onde estuda, no bairro Paraíso 2, na manhã desta quarta-feira (26). Antes, ele explodiu uma bomba no banheiro da instituição. As informações são da Folha da Região de Araçatuba.

Segundo a polícia, o aluno estava suspenso, retornou às aulas pela manhã e foi flagrado por uma funcionária dizendo que explodiria o prédio. Ele foi visto entrando no banheiro e assim que saiu, houve uma explosão, que danificou um vaso sanitário e a descarga. O jovem e um colega, da mesma idade, xingaram os policiais e foram levados para a delegacia, ouvidos e liberados aos familiares.

Ao sair da delegacia, ele retornou à escola acompanhado da mãe e do colega e, durante conversa com a diretora, a ameaçou por ter chamado a polícia. Levado de volta à delegacia, ele foi apreendido e deve ser apresentado à Vara da Infância e da Juventude.

PROVIDÊNCIAS
A Diretoria Regional de Ensino de Andradina, responsável pela escola, informou que o aluno foi novamente suspenso e haverá reunião para definir as medidas a serem tomadas, seguindo o regimento escolar. Também será discutida a possibilidade de os responsáveis pelo estudante arcarem com os danos materiais. 

O Conselho Tutelar acompanha o caso.

A assessoria de imprensa da Secretaria de Estado da Educação informa que a escola onde ocorreu o ato de vandalismo conta com a participação dos pais e da comunidade para evitar que casos como esse aconteçam. Um professor-mediador deve reforçar as estratégias preventivas em relação ao caso.


Veja Mais