Prefeito de Guaraçaí morre durante partida de futebol

Fonte: Da redação, em22/06/2015

Amigos e familiares estiveram presente no velório do prefeito em Guaraçaí (Foto: Reprodução / TV TEM)

O prefeito de Guaraçaí (SP) morreu no sábado (20) depois de sofrer um infarto fulminante. Antônio Aparecido Suttini, de 58 anos, estava com os amigos em uma partida de futebol quando passou mal. Ele chegou a ser socorrido, mas não resistiu. O corpo do prefeito foi velado na Câmara Municipal da cidade.O futebol era um dos esportes preferido de Antônio Aparecido, mas há um mês ele não praticava a modalidade por causa de um estiramento na coxa. Na noite deste sábado (20) ele estava apenas assistindo a uma partida na companhia de amigos quando passou mal. As informações são do portal G1/TV Tem.

De acordo com o funcionário público Jovecir Alves Viana, mesmo afastado ele sempre participava assistindo aos jogos. ”Ele jogava todo domingo de manhã com o nosso grupo de amigos. Tínhamos um grupo de futebol onde ele estava sempre presente mesmo que só para assistir as partidas”, diz Viana.

O jogo era realizado em um campo de futebol na região rural de Guaraçaí. Após amigos perceberem que o prefeito não se sentia bem ele foi encaminhado de carro até o hospital. No hospital foi constatado que o prefeito teve um infarto fulminante. “Ele estava nos contando que há 3 dias havia feito um exame de rotina e que estava tudo bem e logo depois passou mal e fizemos massagem para reanimar, mas ele não respondia”, comenta Nivaldo Fernandes.

Antônio Suttini foi eleito em 2012 pelo PR e ocupava pela primeira vez a chefia do executivo. Suttini também era produtor rural e foi um dos fundadores do Sindicato da categoria em Guaraçaí e chegou a ser presidente da entidade.

O corpo de Antonio Aparecido Suttini foi enterrado neste domingo (21), no Cemitério Municipal de Guaraçaí. O vice Gerson Caldato, também do PR, foi empossado no cargo ainda no sábado (20) em uma sessão fechada na Câmara às 22h. O diretor da câmara explicou que a lei orgânica do município não permite que a cidade fique nem um dia sem prefeito.

Compartilhar:

Veja Mais