Justiça determina suspensão de médico por demora em atendimento

Fonte: Da redação, em22/12/2014

MUDANÇAS DE HÁBITOS, VÍCIOS E SAÚDE: Hipnose Clínica: atendimento em Andradina (SP).

A Justiça de Mirandópolis (SP) determinou a suspensão dos direitos profissionais do médico José Clineu Luvizuto, de Araçatuba (SP). Ele não poderá exercer a medicina por três meses. Ele é acusado de demorar para atender um paciente que tinha sido vítima de agressão. O caso aconteceu no ano passado. As informações são do portal G1/TV Tem.

Segundo a sentença, o paciente foi levado ao hospital de Mirandópolis no começo da madrugada, onde o médico deveria estar de plantão. Mas Luvizuto teria apenas receitado analgésicos por telefone e só atendeu o paciente de manhã. A vítima foi transferida para a Santa Casa de Araçatuba e morreu uma semana depois.

Por telefone, o advogado do médico disse que vai recorrer da decisão e que a sentença não levou em consideração o prontuário. Luvizuto é o mesmo médico que foi preso no mês passado em Araçatuba por cobrar de um paciente o valor de uma cirurgia que era coberta pelo Iamspe. Ele chegou a ser levado para a cadeia de Penápolis, mas foi solto.

Compartilhar:

Veja Mais