Aeroporto é inaugurado, mas aguarda homologação

Fonte: Da redação, em18/06/2013

O novo receptivo do aeroporto Plínio Alarcon de Três Lagoas foi inaugurado na noite do último sábado, mas ainda aguarda a homologação da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) para que possa operar com voos comerciais. A vice-governadora Simone Tebet (PMDB) disse que estará nesta semana com a prefeita Márcia Moura (PMDB), em Brasília, agendando a visita dos técnicos da ANAC em Três Lagoas para vistoriar as obras que foram executadas no aeroporto. As informações são do Jornal do Povo de Três Lagoas.

 

Após vistoria, caso não exista nenhuma pendência, o órgão deverá homologar o aeroporto e autorizar a companhia aérea Passaredo a operar com voos comerciais, com uma linha de Três Lagoas a São Paulo, segundo Simone. “Todos os momentos desses 98 anos da cidade foram importantes, e esse é um deles. Diria que é um momento pós-industrial, é a consagração de todo uma era, de um ciclo. A partir de agora, podemos consolidar Três Lagoas, não só para Mato Grosso do Sul, como em todo o Brasil, como a terra da industrialização. Definitivamente, esse aeroporto vai integrar e aproximar Três Lagoas do maior centro consumidor do Brasil e da América Latina, que é São Paulo. Muitos empresários deixaram de vir para Três Lagoas por falta de uma linha área”, destacou.

 

Em seu discurso, o governador André Puccinelli (PMDB) disse que, no programa do governo do Estado, a aviação regional é considerada uma importante mola propulsora para o desenvolvimento dos municípios, por isso tem investido nos aeroportos de várias cidades. A obra do novo receptivo do aeroporto foi orçada em R$ 4,2 milhões, recursos da Petrobras, do governo do Estado e da Prefeitura, e uma pequena contrapartida da União.

 

Na ocasião, Puccinelli solicitou que a Prefeitura faça o projeto para que o governo do Estado possa garantir recursos para a pavimentação asfáltica da nova via de acesso ao aeroporto, a qual se chamará Marcolino Carlos de Souza. A denominação é uma homenagem ao ex-prefeito de Três Lagoas e pai do pecuarista Cláudio de Souza, o Cláudio Totó.

“Essa obra é para lá de sonho, pois é uma nova realidade que estamos proporcionando à população. Agradeço ao nosso governador, a Simone Tebet, a Petrobras e a nossos secretários que colaboraram. Agradeço também a nossa população que soube esperar a concretização dessa obra”, comentou a prefeita Márcia Moura.

 

Segundo o diretor- presidente da Passaredo, José Luiz Felício Filho, o aeroporto de Três Lagoas está de acordo com a característica da empresa, que é genuinamente de transporte aéreo regional. Ele informou que a companhia vai operar com voo saindo de Três Lagoas, às 5h, chegando a São Paulo às 7h30. O segundo sairá do município às 14h15 e chegará a São Paulo às 16h. De Guarulhos, o voo sairá às 22h45, chegando a Três Lagoas às 00h30. O segundo será às 12h20, chegando a Três Lagoas às 13h55. As passagens áreas vão custar de R$ 250 a R$ 300. A empresa vai operar no município com uma aeronave ATR 72, com capacidade para 70 passageiros.

Compartilhar:

Veja Mais