Projeto Pipa Legal leva orientação na prática a alunos de Andradina

Fonte: Da redação com assessoria de imprensa, em17/10/2018

Tamiko e Pedrinho acompanham projeto que orientam o uso correto de pipas sem cerol. Foto: Secom/Andradina

LEITOR ANDRAVIRTUAL TEM DESCONTO ESPECIAL: Dica de leitura: SCRUM: A arte de fazer o dobro de trabalho na metade do tempo. Compre agora!

O Governo de Andradina em parceria com a concessionária Via Rondon e a Polícia Militar realizou na manhã desta terça-feira (16), mais uma ação do Projeto Pipa Legal, no Estádio Municipal “Evandro Brembatti Calvoso”.

As crianças da escola municipal Profª Maria Vera Quental Tamai  acompanhados por seus professores, tiveram a oportunidade de brincar com pipas. Até a prefeita Tamiko Inoue entrou na brincadeira e aproveitou para recordar sua infância.

“Já brinquei muito de soltar pipa e era uma brincadeira muito saudável que deve ser estimulada para as crianças dos dias de hoje, pois com o avanço da tecnologia, a falta de atividades pode ser um problema. Os pequenos devem brincar, correr e interagir com os colegas, mas de forma correta, sem uso de cerol e em lugar seguro”, comentou Tamiko.

Intitulado “Projeto Pipa Legal”, a brincadeira foi tratada com seriedade e responsabilidade. A ação se iniciou com a formação feita pela Polícia Militar Rodoviária aos professores multiplicadores da Rede Estadual e Municipal de Ensino que desenvolveram junto aos pais e responsáveis, momentos de reflexão e conscientização do perigo do uso do cerol ou da linha chilena na brincadeira, durante reuniões realizadas no mês de setembro e outubro.

A iniciativa teve por objetivo, prevenir acidentes que acontecem principalmente com ciclistas e motociclistas.“Todos os professores se mobilizaram para trabalhar na conscientização dos alunos e pais, sobre os riscos do uso do cerol e da linha chilena, que causam sérias consequências e em muitos casos até uma fatalidade maior. Vale ressaltar que a ação começou em sala de aula e hoje é o fechamento desse projeto, com muita diversão, colocando na prática o que foi ensinado nas palestras”, explica a secretária de Educação, Lucilene Novais.

Foram distribuídas cerca de 400 pipas, cedidas pela Via Rondon, que as crianças puderam levar para suas casas e assim repassar para os amigos e familiares, as lições aprendidas durante o projeto.

O vice-prefeito Pedrinho Bentivoglio também participou da ação e montou muitas pipas para a criançada. “Me senti brincando com meus filhos e ensinando que é possível ter diversão sem prejudicar ao próximo. O uso do cerol ou linha chilena tem que ser discutido na sociedade e em família”, finaliza Pedrinho.

Participaram ainda do evento, policiais militares, integrantes da equipe da Secretária Municipal de Educação e também da Via Rondon.



Compartilhar:

Veja Mais