Programa de qualificação tem curso de poda de árvore em Andradina

Fonte: Da redação com assessoria de imprensa, em08/10/2018

Programa do Governo de Andradina vem transformando vidas e gerando renda. Foto: Secom/Andradina

LEITOR ANDRAVIRTUAL TEM DESCONTO ESPECIAL: Dica de leitura: SCRUM: A arte de fazer o dobro de trabalho na metade do tempo. Compre agora!

A prefeita Tamiko Inoue esteve acompanhando uma aula prática do curso de poda de árvores do projeto "Programa Especial de Auxílio e Capacitação aos Desempregados”, nesta última sexta-feira (06), na escola João Brembatti Calvoso (JBC).

O programa do Governo de Andradina vem mudando a vida de pessoas e dando oportunidade de voltar ao mercado de trabalho e em contrapartida vem melhorando os espaços públicos para toda a população. “A sociedade está ganhando com limpeza de praças, escolas, centro esportivos, além desses participantes terem uma nova perspectiva de suas vidas”, explica Tamiko.

Coordenado conjuntamente pelas Secretarias de Promoção Social, Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda e Administração, com a colaboração das demais Secretarias do Município, o projeto foi elaborado baseado em experiências positivas de outras cidades para colaborar com pessoas em vulnerabilidade social, arrimos de família, por exemplo, e que estão a mais de um ano desempregadas.

“Um exemplo é esse curso de poda, que oferece uma nova oportunidade de emprego”, comenta o secretário de Meio Ambiente, Claudio Gotardo ressaltando que estão no cronograma a qualificação em marcenaria artesanal, pequenos reparos em elétrica e hidráulica, pintura predial, jardinagem, limpeza e conservação, auxiliar de cozinha, costura, informática inclusiva, empreendedorismo, gestão e micro empreendedor individual, dentro de uma grade curricular de um ano. 

“Muitas das pessoas que passaram pelo programa já conseguiram emprego”, destaca o secretário de Administração, José Henrique Pastorelli.

O modelo de empregabilidade em Andradina consiste na realização de curso de qualificação profissional e aulas práticas no exercício de atividades laborais e ainda a concessão de uma bolsa auxílio-desemprego, no valor mensal de R$ 750,00. Sendo de duração de seis meses podendo ser prorrogado por mais seis.

“As vezes em nossas vidas passamos momentos difíceis, e é preciso que alguém estenda a mão e nos coloque novamente no caminho de crescimento e oportunidades”, explica secretária de Promoção Social, Elaine Vogel.



Compartilhar:

Veja Mais